Please ensure Javascript is enabled for purposes of website accessibility
 

Governo

22/10/2014

Resende receberá recursos do governo federal para asfaltamento da Estrada Surubi-Bulhões

Obra de Mobilidade Urbana receberá R$ 24 milhões em investimento

Resende receberá recursos do governo federal para asfaltamento da Estrada Surubi-Bulhões

Crédito: Márcio Fabian - ACOM/PMR

   Mais uma obra de mobilidade urbana será realizada em Resende. O prefeito José Rechuan recebeu em seu gabinete na manhã desta quarta-feira, dia 22 de outubro, o secretário nacional de Mobilidade Urbana do Ministério da Cidade, Raphael Rezende Neto, o secretário do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC 2) do Ministério do Planejamento, Maurício Muniz Barreto de Carvalho, e o Superintendente Regional da Caixa Econômica Federal em Volta Redonda, Maurício Borges, para a assinatura do contrato de financiamento para o asfaltamento da Estrada Surubi-Bulhões.

   O valor do financiamento é de R$ 22,7 milhões, e o prazo é de 240 meses, com 26 meses de carência para o início do pagamento. O contrato prevê ainda que a Prefeitura tem dois meses para realizar a licitação, que já está marcada para o dia 19 de novembro, e 24 meses de prazo para concluir a obra, que receberá ainda R$ 1,1 milhão em recursos próprios da Administração Municipal. O recurso será liberado logo após o encerramento do pleito eleitoral.

   O Superintendente da CEF, Maurício Borges, lembrou que a estrada Surubi-Bulhões, que faz parte do projeto da Rodovia do Contorno, vai beneficiar direta e indiretamente 30 mil pessoas, que residem na Região Leste da cidade e destacou que 20% do investimento será empregado na melhoria do acesso aos bairros Surubi Velho, Surubi Novo, Vila Verde e Lavapés.

   O secretário do PAC 2 frisou que o Governo Federal destinou R$ 1,30 trilhão para serem investidos no programa, cujas prioridades são projetos de mobilidade urbana e obras estruturantes que possam melhorar a qualidade de vida nas cidades brasileiras.

   - Qualquer prefeitura pode cadastrar seu projeto para obter o financiamento, que é selecionado de forma pública. Resende obteve sucesso por já ter um projeto pronto e esta obra que será realizada aqui é fundamental para garantir a mobilidade na cidade - salientou.

   Já o secretário nacional de Mobilidade Urbana observou que ao contrário de muitas cidades, Resende demonstra que tem capacidade de execução ao pleitear o financiamento já com um projeto e o planejamento da obra prontos.

   - Resende tem um histórico como cidade importante porque sempre tem projetos. Sabemos que os recursos serão bem aproveitados e bem aplicados e peço que a Caixa, que é a gestora do contrato, fiscalize o processo para liberar os recursos com agilidade - destacou.

     A estrada, com 7,5 quilômetros receberá serviços de pavimentação, drenagem, recapeamento, iluminação e urbanização. Além disso, será construída uma ciclovia em toda a sua extensão, permitindo que os trabalhadores possam ir de bicicleta até o polo industrial.

    O prefeito José Rechuan disse que a obra é importante não só para a cidade, mas para toda a região das Agulhas Negras, uma vez que ela facilita o acesso ao polo industrial e cria um novo acesso à Rodovia Presidente Dutra integrando os municípios de Itatiaia, Porto Real e Quatis.

    - Resende vem crescendo de forma ordenada. O grande desafio agora é fazer a cidade crescer para o leste e promover um crescimento social e econômico daquela região da cidade, que, com certeza, terá uma valorização comercial e mobiliária com esta obra - avaliou.

Palavras chaves: PLANEJAMENTO
Compartilhar

ÚLTIMAS NOTÍCIAS


Mapa do site

© Copyright 2022. Todos os direitos reservados.

AM4 - Inteligência Digital de Resultados