Please ensure Javascript is enabled for purposes of website accessibility
 

Educação

07/04/2009

Programas de Assistência Social atendem quase 3 mil famílias

Valorização dos idosos: uma das prioridades da Prefeitura no setor

Programas de Assistência Social atendem quase 3 mil famílias

Crédito: Wagner Alves - ACOM/PMR

        Nos primeiros meses deste ano, 2.985 famílias já foram beneficiadas com ações sociais oferecidas pela Prefeitura, através da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social e Fraternidade. Entre os programas está o Centro de Convivência para Idosos (CCI), que, a partir de janeiro, realizou mais de 140 atendimentos, entre atividades de ginástica, artesanato, fisioterapia preventiva, palestra e exercícios de hidroginástica. As atividades deste programa acontecem nos bairros Alvorada, Paraíso, Cidade Alegria e Jardim Esperança – no caso do Jardim Esperança, elas são desenvolvidas em parceria com o EDUCAR (Instituto de Educação do Município de Resende), via Programa Terceira Idade Ativa (foto).

        O prefeito José Rechuan (DEM) frisa que os programas desenvolvidos pela Prefeitura dentro da área de assistência social têm como objetivo promover o resgate da auto-estima das pessoas atendidas, “pois todas são iguais, e têm os mesmos direitos enquanto cidadãos e cidadãs”. Ele ressalta a importância das iniciativas no setor visando garantir o bem-estar da população de Resende.

        - Quando investimos em atividades de lazer para os moradores da cidade, estamos tornando realidade, por exemplo, uma ação primordial na preservação da saúde das pessoas. Acreditamos fielmente que, trabalhando pela dignidade do cidadão, o nosso governo trilha passos importantes visando à melhoria da qualidade de vida do nosso povo – disse o prefeito.

        A secretária de Desenvolvimento Social e Fraternidade do Município, Marly Cortona, destaca outros programas realizadas pela pasta, através do CRAS (Centro  de Referência de Assistência Social). Dois destes programas são o PAIF (Programa de Atendimento Integral à Família)  e o PROJOVEM (Programa Nacional de Inclusão de Jovens).

        - As ações do CRAS são realizadas em espaços físicos localizados em áreas de vulnerabilidade social, onde funcionam os serviços de proteção básica. Através deste Centro de Referência, oferecemos oficinas de geração de trabalho e renda, atividades sócio-educativas, grupos de reflexão para mulheres e adolescentes, além do Programa Bolsa Família, que é desenvolvido em parceria com o Governo Federal – disse Marly, acrescentando que a Prefeitura pretende implantar nos próximos meses o CRAS Itinerante com o objetivo de levar as ações deste programa aos moradores da Zona Rural.

        Já o Sopão Comunitário – outra ação coordenada pela Secretaria – vem atendendo, mensalmente, cerca de cinco mil pessoas. O projeto tem o apoio de comerciantes da cidade e do CEASA (Central de Abastecimento do Estado do Rio de Janeiro), que todo mês faz a doação de 400 latas de sopa para o projeto. As famílias beneficiadas são dos bairros Baixada da Olaria, Jardim Esperança, Fazenda da Barra I, Fazenda da Barra II e Jardim Primavera.

       
Palavras chaves: CIDADANIA
Compartilhar

ÚLTIMAS NOTÍCIAS


Mapa do site

© Copyright 2022. Todos os direitos reservados.

AM4 - Inteligência Digital de Resultados