Please ensure Javascript is enabled for purposes of website accessibility
 

Notícia

06/04/2009

Mulheres aprovam trabalho da Coordenadoria

Serviço passa a funcionar no Centro Administrativo da Beira-Rio

Mulheres aprovam trabalho da Coordenadoria

Crédito: Wagner Alves

A dona de casa Valdete Chaves é uma das freqüentadoras do grupo de mulheres da Baixada da Olaria. Casada, já foi vítima da violência doméstica e hoje não admite qualquer tipo de agressão, graças às informações que recebeu por meio da Coordenadoria da Mulher, cujo trabalho ela aprova.

        - No meu primeiro casamento, meu marido quebrava a casa inteira, mas eu relevava, pois não sabia o que fazer. Depois que comecei a freqüentar o grupo de apoio do meu bairro, descobri que se ele quebrar qualquer objeto dentro de casa, já pode ser denunciado pela Lei Maria da Penha. Perdi até a amizade de um filho de criação quando o alertei de que, se encostasse a mão na esposa dele, eu mesmo o denunciaria à Polícia. Tento encorajar todas as mulheres a fazerem o mesmo – disse Valdete.

        O encorajamento desta dona de casa já levou muitas mulheres aos grupos de apoio da Coordenadoria, principalmente na Baixada da Olaria. Lílian dos Santos, também casada, é uma delas:

        - Estou no grupo desde janeiro, quando ele foi criado, e adoro o trabalho realizado. É uma oportunidade de alertar as mulheres para que fiquem mais conscientes sobre os seus direitos.

        As oficinas de capacitação em fase implantação neste ano são as seguintes: fabricação artesanal de sabão e fuxico.

        - Algumas das mulheres que participam dos grupos estão desempregadas, têm filhos pequenos ou cuidam de pessoas idosas dentro de suas casas, o que as impede de trabalhar. A criação destas oficinas vem proporcionando a elas a ocupação do tempo de uma forma mais produtiva – concluiu Anita, ressaltando que o atendimento da Coordenadoria da Mulher não se destina apenas a mulheres vítimas da violência, “mas a toda e qualquer mulher da comunidade”.

        A partir desta semana, a Coordenadoria, que se localizava na Rua Pandiá Calógeras, ao lado do Colégio Agulhas Negras, passou a funcionar no Centro Administrativo da Beira-Rio. Os contatos com a Coordenadoria devem ser feitos pelo telefone 2108-0848, de segunda a sexta-feira, entre 8 e 17 horas.

 

Palavras chaves: OPINIÃO
Compartilhar

ÚLTIMAS NOTÍCIAS


Mapa do site

© Copyright 2022. Todos os direitos reservados.

AM4 - Inteligência Digital de Resultados