Please ensure Javascript is enabled for purposes of website accessibility
 

Resende

17° Min24º Max

Saúde

16/04/2021

HOSPITAL VETERINÁRIO PÚBLICO DE RESENDE ULTRAPASSA MARCA DE 20 MIL ATENDIMENTOS DE CÃES E GATOS

Pioneira na Região Sul Fluminense, a unidade vem se modernizando cada vez mais, visando suprir a alta demanda da cidade

Crédito: Carina Rocha

O Hospital Veterinário Público de Resende ultrapassou a marca de 20 mil atendimentos de cães e gatos. A unidade, que começou a operar no dia 14 de agosto do ano passado, registrou 20.064 atendimentos conforme levantamento feito até esta sexta-feira, dia 16 de abril. O Hospital Veterinário, que oferece todos os procedimentos gratuitamente e está instalado no bairro Morada da Colina, funciona 24 horas por dia. Em média, são atendidos 100 animais domésticos diariamente.

 

De acordo com o balanço feito pela equipe da unidade de saúde, no período de agosto de 2020 até o dia 16 de abril de 2021,foram realizados: 13.956 exames de sangue; 2.978 exames de raio-X; 3.716 exames de ultrassom; 657 cirurgias; e 2.546 internações de animais domésticos.

 

O prefeito de Resende, Diogo Balieiro Diniz, reforçou que o Hospital Veterinário vem se modernizando cada vez mais para atender a alta demanda, lembrando que a sua média diária de atendimentos chega a 100 cães e gatos.

 

— Pioneira na Região Sul Fluminense, a unidade está crescendo cada vez mais e, para suprir toda a demanda, o atual governo segue se dedicando na sua transformação diária, dando suporte aos setores e investindo em recursos tecnológicos. A unidade, que funciona 24 horas por dia, registra grande fluxo de atendimentos das populações canina e felina. O objetivo é sempre elevar os serviços da unidade ao mais alto padrão de qualidade, dando a assistência necessária aos pets do município. O desenvolvimento de uma boa política para a Saúde Animal é importante para o controle de doenças na cidade, entre outras questões. Estamos buscando melhorias com a aquisição de novos equipamentos e mobílias, além do melhor planejamento do escalonamento de profissionais para o pleno funcionamento da unidade. Ao ultrapassar a marca de 20 mil atendimentos em oito meses de operação, pode-se confirmar que a antiga reivindicação da população era uma necessidade mais que urgente para a realidade do município. Agora, a atual gestão cuida da saúde dos animais além dos serviços disponibilizados pelo Centro de Controle de Zoonoses (CCZ), com atendimento clínico, cirurgias e castração, dentre outros procedimentos. O trabalho é desempenhado por uma equipe especializada, que respeita todos os protocolos de segurança sanitária nesta pandemia contra o novo coronavírus (Covid-19) – frisa.

 

AVANÇOS

 

No final do ano passado, com o intuito de suprir a demanda do município, o número de veterinários aumentou: de 16 para 22, que se revezam em escalas (plantões diurnos e noturnos) ou como diaristas.

 

Em janeiro deste ano, o Hospital Veterinário recebeu oito bombas de infusão, também conhecidas como perfusão. Os novos aparelhos são destinados aos animais internados na hora da administração de medicamentos nas vias venosa, arterial ou esofágica, além de servir para a hidratação. Todos os veterinários, auxiliares e estagiários foram submetidos a um treinamento para adquirir conhecimentos técnicos relacionados à manipulação dos equipamentos fornecidos pela empresa especializada. A bomba de infusão foi mais um mecanismo implantado pela unidade, dando mais segurança e conforto aos pets. Os aparelhos chegaram para facilitar a administração de medicamentos em doses precisas, bem como a hidratação do animal. Estes equipamentos estão contribuindo para otimizar o tempo e o trabalho da equipe, assegurando todos os cuidados necessários a cada animal em tratamento.

 

Este ano, a Prefeitura adquiriu dois armários tipo vitrine, 10 bancos em inox e cinco mesas de atendimento para a unidade. As mobílias serviram para ampliar o armazenamento dos materiais hospitalares e organizar melhor os ambientes.

 

Ainda no início deste ano, o Hospital Veterinário ganhou um analisador bioquímico automático, que possibilitou um volume maior de exames por dia, refletindo em melhorias na dinâmica do atendimento. O aparelho de alta tecnologia é responsável por analisar amostras sanguíneas e medir as dosagens de ureia, creatinina, enzimas hepáticas, entre outros parâmetros, que são fundamentais para entender e diagnosticar o estado de saúde dos animais.

 

Recentemente, a unidade implantou uma estação para destilar água. A geração local do material essencial traz, entre muitos benefícios, uma economia para o funcionamento do hospital. A água destilada é fundamental para aparelhos do laboratório de hematologia, além de também estar presente nos processos de esterilização dos materiais utilizados nos procedimentos cirúrgicos da unidade, por meio das autoclaves. Anteriormente, a água destilada era constantemente comprada.

 

ESTRUTURA

 

A unidade disponibiliza atendimento clínico, cirurgias e procedimentos e serviço de castração, entre eles: suturas de ferimentos; curativos e bandagens; cirurgia de piometra; cirurgia de prolapso retal; curativo ou retirada de unhas fraturadas; operação de retirada de baço; imobilização de membros fraturados, quando possível; ultrassonografia para fins diagnósticos; internação; soroterapia; aplicação de medicamentos para animais em internação; amputação de membros, quando for o caso; retirada de tumores de pele e mama, quando necessário; exames laboratoriais; enucleação; redução de protusão de globo ocular; otohematoma; caudectomia; desobstrução uretral; cesária de emergência com ovariosalpingohisterectomia; cistotomia; e herniorrafia abdominal.

 

Vale ressaltar que a unidade hospitalar veterinária é destinada ao atendimento gratuito dos animais domésticos da cidade, em especial, famílias de baixa renda, que não têm condições de arcar com despesas de tratamentos e procedimentos cirúrgicos. Na primeira fase de implantação, atende, exclusivamente, cães e gatos residentes em Resende, onde tutores devem comprovar residência fixa. Funciona na Estrada Resende-Riachuelo, no bairro Morada da Colina, e possui: três consultórios; uma sala de anestesia; uma sala de isolamento; um ambulatório; uma sala de internação; um centro cirúrgico; uma sala de raio-X; um laboratório; uma sala de recuperação; copa; sala de repouso para os plantonistas; sala de antissepsia; farmácia; almoxarifado; recepções externa e interna; e quatro banheiros.

Palavras chaves: Hospital Veterinário, Cães E Gatos, Modernização, 20 Mil Atendimentos Compartilhar

ÚLTIMAS NOTÍCIAS


Mapa do site

© Copyright 2021. Todos os direitos reservados.

AM4 - Inteligência Digital de Resultados