Please ensure Javascript is enabled for purposes of website accessibility
 

Educação

16/02/2009

Cãmeras de vigilância serão instaladas em vários pontos

Medida terá como objetivo prevenir casos de violência

Cãmeras de vigilância serão instaladas em vários pontos

Crédito: Wagner Alves - ACOM/PMR

        O prefeito José Rechuan  (DEM) se encontrou semana passada com com autoridades e representantes de diversos setores da segurança pública (foto) para tratar do Plano Municipal de Ordem Pública da nova administração da cidade. O objetivo deste Plano é reduzir os índices de criminalidade e o uso de entorpecentes em Resende através, principalmente, da prevenção à violência. A reunião, que estava marcada para acontecer depois do carnaval, foi antecipada devido ao assassinato de um jovem ocorrido sábado à noite, no Jardim Jalisco.

        - Não se pode ver um jovem morrendo vítima da violência sem buscar soluções para o problema – enfatizou o prefeito.

        O encontro no gabinete contou com as presenças do delegado-titular da 89ª Delegacia Legal (Resende), Marco Antônio de Almeida Alves; do promotor de Justiça Fábio Vieira dos Santos; de oficiais representando a Polícia Militar e o Corpo de Bombeiros; além do diretor de Ordem Pública do Município, José Antônio dos Santos, o Ed Murphy; do comandante da Guarda Municipal, Luís Alberto Vallim; e de secretários municipais.

         Rechuan disse que a implantação do Projeto Segundo Turno em cinco escolas municipais foi uma medida preventiva adotada este mês pela Prefeitura no sentido de ocupar o tempo das crianças e dos adolescentes do Município fora do horário escolar. Numa primeira etapa, este projeto está capacitado para atender 1.800 estudantes com atividades recreativas, culturais e de reforço escolar.

        O prefeito determinou ainda a abertura de um processo para a compra de câmeras de segurança, as quais vão ser instaladas prioritariamente nos pontos onde a incidência de delitos é maior. O número de equipamentos que serão adquiridos ainda está sendo definido. Rechuan cobrou das autoridades policiais presentes ao encontro a localização destes pontos para a instalação das câmeras e a realização de melhorias no sistema de iluminação pública.

        - Vamos abrir um empenho para comprarmos essas câmeras. Sei que existem recursos federais que podemos recebê-los, mas não posso esperar. Quero saber logo onde deveremos colocar essas câmeras e também onde precisamos melhorar a iluminação. A melhoria da iluminação é uma providência aparentemente simples, mas muito eficaz – declarou o prefeito. 

        No encontro de ontem à tarde foram apresentados dados estatísticos que geraram conclusões a respeito da relação entre violência e educação. Rechuan citou uma pesquisa da Fundação Getúlio Vargas (FGV) encomendada pela Votorantim, segundo a qual a faixa etária de 15 a 26 anos é a fase mais crítica da vida dos adolescentes e dos jovens em relação à violência. Segundo o levantamento, 63 por cento da evasão escolar em Resende acontecem dentro desta faixa etária.  

        - Sabemos que a raíz disso tudo está nas drogas. Em Resende, temos a presença de gangues que precisam ser desmanteladas para que cesse essa violência entre os jovens da nossa cidade - disse Rechuan.

        Durante a reunião foi destacada a necessidade de reforço na vigilância ostensiva do Acesso Oeste com o objetivo de evitar a entrada e a saída de criminosos da cidade. O prefeito reafirmou ainda que a reabertura do posto do Instituto Médico Legal deve ser considerada outra prioridade – a retomada do funcionamento deste posto, cuja responsabilidade é do Governo do Estado, já foi solicitada pelo prefeito às autoridades estaduais.

         

Palavras chaves: SEGURANÇA
Compartilhar

ÚLTIMAS NOTÍCIAS


Mapa do site

© Copyright 2022. Todos os direitos reservados.

AM4 - Inteligência Digital de Resultados