Please ensure Javascript is enabled for purposes of website accessibility
 

EDUCAR

17/11/2014

Alunos da Creche na Morada da Contorno são realocados para outras unidades na Grande Alegria

Prefeitura iniciou perícia técnica no prédio

Alunos da Creche na Morada da Contorno são realocados para outras unidades na Grande Alegria

Crédito: Jorge Trindade - ACOM/PMR

   A Secretaria Municipal de Educação decidiu na manhã desta segunda-feira, dia 17 de novembro, que as 144 crianças do Centro de Educação Infantil Maria das Dores de Almeida Duarte, o CEMEI Dona Lili, na Morada do Contorno, serão distribuídas em quatro unidades naquela mesma região: Creches Municipais Jardim Primavera e São Vicente de Paulo (Cidade Alegria), Escola Municipal Algodão Doce (Cidade Alegria) e Ciep 489 Augusto de Carvalho, também na Cidade Alegria.

   Segundo o secretário de Educação, Mário Rodrigues, os alunos já iniciam nas novas unidades a partir desta terça-feira, dia 18, onde permanecerão até o final do ano letivo, que se encerra no dia 19 de dezembro.

   - Decidimos realocar essas crianças em unidades próximas à creche onde elas já estudavam para não deixar ninguém sem aula e não prejudicar as mães, que precisam deixar seus filhos na creche para trabalhar - explicou Mário Rodrigues, salientando que os profissionais que atuavam na creche também foram realocados nessas quatro unidades de ensino.

   A pré-matrícula para a creche da Morada do Contorno também foi transferida. Pais e responsáveis que buscam uma vaga na unidade podem procurar o CIEP 347 Jorge Miguel Jayme, no bairro Toyota até o dia 12 de dezembro, levando cópia da certidão de nascimento; carteira de identidade e CPF do responsável; comprovante de residência; declaração da necessidade de atendimento educacional especializado (para pessoas com deficiência); e cartão de vacinação.

   PERÍCIA - Na manhã desta segunda-feira, 17, a Secretaria Municipal de Obras iniciou uma perícia técnica na unidade visando à elaboração de um laudo para avaliar a situação do Centro de Educação Infantil Maria das Dores de Almeida Duarte, que na manhã da última sexta-feira, dia 14, teve parte do teto do corredor que dá acesso às salas de aula desabado.

   - O laudo, que não tem prazo definido para ser concluído, tem como objetivo apurar os motivos do desabamento e a situação atual da unidade, que foi interditada logo após o ocorrido pela Defesa Civil, e os serviços que devem ser realizados - explicou o secretário de Obras, Rubens Almada, destacando que a construtora responsável pela conclusão das obras, a Barrense, já foi notificada, uma vez que, de acordo com o contrato, ela é responsável pela obra durante cinco anos.

   A obra da creche foi iniciada em novembro de 2008 e interrompida um mês depois. Em janeiro de 2009, já na administração do prefeito Rechuan, a construção foi retomada, mas a empresa responsável não estava cumprindo o contrato como deveria e uma nova licitação foi aberta. Os trabalhos foram reiniciados em agosto de 2011, e concluídos em 2013.

   A Secretaria de Obras vai levantar ainda se tem outras obras realizadas pela empresa no município, para que sejam vistoriadas também.

 

 

Palavras chaves: EDUCAÇÃO
Compartilhar

ÚLTIMAS NOTÍCIAS


Mapa do site

© Copyright 2022. Todos os direitos reservados.

AM4 - Inteligência Digital de Resultados