Resende

25º Min

25º Max

Home » Serviços »

Superintendência de Turismo

Botão Voltar
Botão Home

01/12/2017

EXPOSIÇÃO “UMA VIAGEM AO PASSADO” REVELA A RIQUEZA DO UNIVERSO FERROVIÁRIO

Exposições, Happy Hour do Trenzinho e Feiras de Artesanato e de Hortifruti estão ajudando a revitalizar a Praça da Bandeira, um dos pontos mais movimentados de Resende no século passado

Créditos: Carina Rocha - Divulgação PMR

Viajar no tempo e reviver todo o esplendor econômico, social e cultural vivido pela região no século XIX, quando o progresso e o desenvolvimento corriam sobre os trilhos e não sobre o asfalto, assim como a chegada e a despedida das pessoas. É isso que promete a exposição “Memória Ferroviária de Resende - Uma viagem ao passado", que a Secretaria Municipal de Indústria, Comércio, Turismo e Tecnologia abre na próxima terça-feira, dia 5, às 12h, no hall de entrada da antiga Estação Ferroviária, localizada na Praça da Bandeira, também conhecida como Praça do Trenzinho, em Campos Elíseos.

 

A exposição, que terá caráter permanente, tem por objetivo resgatar a importância histórica que a Estrada de Ferro Dom Pedro II teve não só para Resende como para toda a região, quando começou a operar em fevereiro de 1873. Recheada de histórias, a exposição conta com fotografias, objetos de época, como uma lanterna ferroviária utilizada para orientar os maquinistas sobre quando parar ou seguir em frente, além de um filme em preto e branco, que mostra a chegada do primeiro grupo de cadetes vindo da Escola Militar do Realengo para a Academia Militar das Agulhas Negras, em 1946.

 

A mostra, que trará muitas informações para moradores e turistas, pode ser visitada diariamente, inclusive aos sábados e domingos. De acordo com o secretário municipal de Indústria, Comércio, Turismo e Tecnologia, Raphael Gattás, ela é mais uma ação da Prefeitura visando transformar a Praça do Trenzinho e o prédio da Estação Ferroviária, com sua rica arquitetura, num espaço cultural, com opções para todos os públicos. No local, lembra Gattás, já são desenvolvidos os seguintes eventos: Happy Hour do Trenzinho, feira de artesanato e de hortifruti, além de exposições de pintura. 

 

- Quando nos instalamos neste prédio, em maio deste ano, percebemos que o local era apropriado para a realização de eventos e atividades culturais, e que deveríamos, imediatamente, tomar medidas para a preservação da memória ferroviária, que é muito rica e importante para a região. A partir daí, começamos a reunir fotos, peças e todo material de época que conseguimos localizar, resgatando assim a memória ferroviária e dando corpo a esta exposição que é uma verdadeira viagem no tempo - comentou o secretário.

 

Estação - Construída em estilo art déco e inaugurada em 12 de dezembro de 1937, o prédio da Estação Ferroviária de Resende como é conhecido hoje foi construído em substituição ao original, datado de 1873. Além de escoar a produção nacional e proporcionar a integração das províncias do Rio de Janeiro, São Paulo e Minas Gerais, a Estação Ferroviária serviu de apoio para a transferência do Colégio Militar, que ficava em Realengo, no Rio de Janeiro, para Resende onde foi construída a Academia Militar das Agulhas Negras.

 

 

Serviço:

 

Exposição Memória Ferroviária de Resende - Uma viagem ao passado

Abertura: 5 de dezembro, às 12 horas

Visitação: segunda a sexta, das 9 às 18h, e aos fins de semana das 9 às 14h